segunda-feira, 3 de junho de 2013

Farinha de Amora.

Para quem não segue a minha nada interessante vida, aqui continua a saga anti-menopausa. Descobri lendo por aqui que tem pessoas na mesma condição que eu, a menopausa chegou como uma doença transformando a vida por dentro e por fora.  Não vou chatear vc minha única leitora com essa condição, só ressaltar que é dolorosa e me parece sem saída. Bem, mas vamos ao lado bom, pensando sagitarianamente, corro em busca de socorro. Já li que chá de amora é muito bom, mas acontecece que tem que ser colhido antes do nascer do sol, depois que a noite estiver acabando. Noooossssa, quem pode? Eu até tenho um pé de amora, mas nem olho para ele coitadinho. Pulando essa parte, encontrei uma deliciosa farinha de amora. Caaaaaaara para dedéu, mas comprei. É uma DE LÍ CI A, serve para tudo, mas tomo com suco, água mesmo, iogurte, o que estiver na minha frente. O que percebi:
Bem, juro que nos primeiros momentos, os calorões cederam. Estava tendo ondas forte de calor com enjôo e ânsia de vômito, ao ponto de não conseguir falar. Durante 24 horas não tive nada, quando completou 24 horas comecei a sentir os sintomas, levemente, só para me lembrar que estava na hora de tomar novamente. São 5 dias apenas, mas nenhum dia de sofrimento (não desse) depois conto. De bônus, meu apetite sumiu, meu humor (não fosse a perturbação causada por um adolescente egoísta e um marido igualmente egoísta com o lado b exposto novamente), meu humor estaria ótimo. Recomendo então a farinha de amora para quem padece como eu de uma inesperada chegada da menopausa potencializada. Onde compra? Ahhh comprei na casa que vende produtos naturais a granel, sabe? Aquelas que têm castanhas, farinhas, soja, linhaça etc... Não é barato, mas prefiro pagar para ver, porque hormônios....NUN CA MAIIIISSSSS.

Segue um descritivo que encontrei:

Farinha de Amora é rica em fibras e nutrientes ricos antioxidantes (antocianina), sais minerais (potássio, cálcio, magnésio, selênio e fósforo) em vitaminas A e B e ácido elágico. Combate afecções da boca (aftas), infecções da garganta, angina, estados febris, reumatismo, gota, artrite, diminui a taxa de glicemia e é muito útil em regimes para emagrecimento, pois ajuda na decomposição do açúcar.
A amora que é rica em vitaminas (A, B e C) e mineral (fósforo, potássio e cálcio), ajuda a combater doenças do coração e a osteoporose e aumenta a taxa de colesterol bom do sangue, aumentando assim os níveis de antioxidantes do organismo. Além disso, ajuda a amenizar os sintomas da tensão pré-menstrual (TPM), ajuda a melhorar a memória e é diurética e laxativa.
INDICAÇÃO: Melhora o funcionamento do fígado e dos rins, diminui a pressão arterial, a taxa de glicemia (Diabetes) a obesidade e reposição hormonal. Prevenir infecção urinária, reduzir o risco de úlcera e câncer no estômago.
 
MODO DE USAR: Uma colher (sopa) três vezes ao dia, dissolvida em vitaminas, sucos, leite ou polvilhada sobre as refeições. Também pode ser acrescentadas no preparo de pães, tortas, bolos, biscoitos. Queda de Cabelo - Alem de beber o chá pode se massagear o couro cabeludo com o infuso das folhas da amoreira.
Fonte: www.chaecia.com.br